App mapeia pessoas com sintomas de covid por todo o DF; veja como colaborar

30/07/2020

 

Monitorar os casos do novo coronavírus é uma das principais estratégias de enfrentamento da pandemia, mas também um grande desafio para os governos. Pensando em diminuir esse problema, o projeto Sala de Situação de Saúde da Universidade de Brasília (UnB) desenvolveu o aplicativo Guardiões da Saúde. 


"É uma forma de a informação sobre um surto de alguma doença chegar mais rápido (às autoridades de saúde)", explicou, em entrevista ao programa CB.Saúde, nesta quinta-feira (30/7), o estudante Alessandro Igor Silva Lopes, monitor da Sala de Situação e um dos responsáveis pela coleta e análise dos dados (assista à entrevista abaixo).

O app realiza um vigilância participativa da pandemia. Todo dia, na parte da manhã, o usuário recebe uma notificação no celular que pergunta como ele está se sentindo. Se a pessoa responde que se sente mal, uma série de outras perguntas são feitas e todos os dados são enviados automaticamente para a UnB.

Brasileiros contam como é trabalhar no desenvolvimento da vacina da covid
Esse conjunto de informações é capaz de apontar locais onde há muitas pessoas com determinados sintomas, ajudando na execução de ações da área da saúde. Segundo, Lopes, o aplicativo acaba ajudando a monitorar tanto a covid-19 quanto outras doenças, como a dengue. "Com o aplicativo, a gente consegue comunicar mais rapidamente as Unidades Básicas de Saúde [UBS], a vigilância ambiental", afirmou.

Os dados também são publicados pela universidade em forma de Boletim Epidemiológico, que reúne detalhes como divisão dos pacientes por gênero, raça e região; principais sintomas apontados pelos usuários; e percentual de usuários sintomáticos por cada área, chegando a detalhes como pessoas sintomáticas em uma superquadra.

Faça parte da vigilância

Para saber mais sobre o Guardiões da Saúde, basta acessar a conta @guardioesdasaudeunb no Instagram. E quem quer ajudar no mapeamento, pode fazer o download tanto em dispositivos Android quanto IOS.

Além disso, estudantes da UnB poderão receber quatro créditos no próximo semestre letivo se colaborarem regularmente com a plataforma.  

 

Fonte: Correio Braziliense 

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procurar por tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload